quinta-feira, 16 de abril de 2009

sinto-me só sem ti...


O sol não cura tudo. Por entre os prédios, existe a sombra, a rua deserta e o mundo todo do outro lado.

Procuro companhia no fundo da alma. A única que encontro é o bater frustrante do meu coração. Hoje, estou só!


Charlotte

1 comentário:

Sophie disse...

Não te quero com estes pensamentos deprimentes. Amiga sabes perfeitamente que depois da tempestade vem a bonança e por isso, é a essa esperança que te tens de agarrar.
Toca a erguer a cabeça e seguir em frente porque atrás vem gente! Eheheheh!