segunda-feira, 30 de março de 2009

A procura de algo teu...




Secretamente á espera de um gesto, de um sinal
Secretamente tentando saber se dás por mim, afinal
Secretamente á procura de um toque, de um olhar
Secretamente tentando saber..
Se algum dia os nossos mundos se irão cruzar


Charlotte

sábado, 28 de março de 2009

Esta letra diz-me tt...tenho que partilhar!!!

Eu sei que parece só mais uma "daquelas" frases, saúdinha e tal...mas a verdade é mesmo esta! E esta letra fez-me reflectir.... Espero que gostem e que vos diga algo!
Romana - Abre-se uma janela
De Glória e dissabores
Conquistas desamores
A vida vai crescendo
E a gente aprendendo
Se a perfeição morasse em mim
Que valeria viver assim?
O melhor é conquistar
E passo a passo se elevar...
Há fronteiras que se encontram em cada esquina
Ultrapassá-las vencê-las tembém ensina
Fecha-se uma porta
abre-se uma janela
Entre dores e risos tudo é vivido faz a vida mais bela
Nada mais me importa
Estou pronta p'ró que vier
O passado é ido
O futuro é bem vindo
Sou outra mulher!!!
Incontáveis emoções
Exaladas em canções
Cumprindo o meu papel
O aplauso foi fiel
Sem nada a temer
Cada passo foi viver
eu dei tudo de mim
No palco em casa enfim
Há fronteiras que se encontram em cada esquina
Ultrapassá-las vencê-las tembém ensina...
Fecha-se uma porta
abre-se uma janela
Entre dores e risos tudo é vivido faz a vida mais bela!
Nada mais me importa
Estou pronta p'ró que vier
O passado é ido
O futuro é bem vindo
Sou outra mulher
Horas e horas de vôos e estradas
Manhãs perdidas noites madrugadas
e o amanhã que acabou de chegar
Vem-me dizer vem me confirmar
Há fronteiras que se encontram em cada esquina
Ultrapassá-las vencê-las tembém ensina!!
Fecha-se uma porta
abre-se uma janela
Entre dores e risos tudo é vivido faz a vida mais bela...
Nada mais me importa
Estou pronta p'ró que vier
O passado é ido
O futuro é bem vindo
Sou outra mulher!!!!




Carrie

sexta-feira, 27 de março de 2009

És a minha estrela brilhante

sinto-me sozinha...



Mesmo cercado de
um milhão de pessoas, eu
ainda sinto-me totalmente sozinho
Eu somente quero ir para casa
Eu sinto a tua falta, sabes?


Charlotte

terça-feira, 24 de março de 2009

Ena ena..... :)))


A nossa Charlotte é tão prendada :))) Digam lá se a nossa página não está super-hiper-mega fashion!!!!


Aproveito, já que estou a escrever, para dizer que a vida é feita de encontros e desencontros...por isso não percam o próximo episódio, porque nós também não! (acho que estas frases não pertenciam ao mm programa, mas deve ser impressão minha.... :)!



Bijinhos,


Carrie

segunda-feira, 23 de março de 2009

why does love hurt so much




Breathe in breathe out
Tell me all of you doubts
Everybody bleeds this ways, just the same
Breathe in breathe out
Move on and break down
If everyone goes away, I will stay
We push and pull
And I fall down sometimes
And I'm not letting go
You hold the other line
'Cause there is a light in your eyes, in your eyes

Hold on, hold tight
If I'm out of your sight
And everything keeps moving on, moving on
Hold on, hold tight
Make it through another night
In every day there comes a song with the dawn
We push an pull
And I fall down sometimes
And I'm not letting go
You hold the other line
'Cause ther is a light in your eyes, in your eyes

Breathe in and breathe out
Breathe in and breathe out
Breathe in and breathe out
Breathe in and breathe out

Look left, look right
To the moon and the night
Everything under the stars is in your arms

'Cause there is a light in your eyes, in your eyes
There is a light in your eyes, in your eyes
There is a light in your eyes, in your eyes

charlotte

para eu e os meus botoes recordarem....






não sei não te ter...

Charlotte

Embora ninguém possa voltar para trás e fazer um novo começo...
Qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim...

segunda-feira, 16 de março de 2009

Ai ai que isto anda tão paradito........


Então minhas queridas?? O Mundo sente a nossa falta! Chegam cartas, e-mails e outras coisas que tais de tudo qunto é sitio! Até descobri que existe um país chamado Itália, porque uns tais de Il Divo escreveram, a dizer que tinham tantas saudades que até escreveram uma musica sem ser copiada de ninguem!!!!!!!

Digo-vos uma coisa... a saudinha cá anda, algo ameaçada pela Primavera, que teima em trazer os malditos polens, que não tendo abelhinhas suficientes para os irradicarem para todo o sempre, insistem em alojar-se algures nas minhas vias nasais, sentindo-se no direito de se espraiarem por ali fora e provocar um inchaço/entupimento algo saturante...

De resto life goes on, e até vos digo mais, se não fossem as coisas menos boas nunca dariamos valor às óptimas. A felicidade, alegria, contentamento deixariam de existir, pois seriam tão banais que já nem notávamos a sua presença. Lembrei-me disto porque alguém d meu hi5 (eu disse hi5? tou a brincar, nós não temos hi5...lol) escreveu no livro de recortes: "When you can live forever, what do you live for?" . E pronto, como tertuliana assídua e cusca esporádica, resolvi partilhar este pensamento...

Para os maus momentos irem passando, o melhor é mesmo pensar em como somos importantes neste Universo tão vasto e complexo (se cada ser humano é de uma complexidade indescritível, pensem no Universo...), e que a vida deve ser vivida com optimismo e muito amor próprio! NUNCA amar ninguém mais do que a nós próprios...!

Bem, entretanto adormeci a escrever isto,lol. Foi escrito na inspiração d ontem à noite mas o que é escrito com inspiração é sempre verdade :))!!

Beijinhos às minhas 3 meninas!!!

sexta-feira, 6 de março de 2009

Metro...ou kilómetro?!


Duvidas existenciais... O que fazer quando não corremos atrás do metro mas ele fica à nossa espera??? E se o metro passa a km??? A sorte é que as situações são como as cerejas, e...haja saúdinha!

=D

Ass. Vocês sabem ;)

Quando a chuva passar................. :)


Bem, a musica certa tavez não seja esta...ou qq outra que toque demasiado profundo na alma, naquele ponto em que o sofrimento é acentuado!
Aqui fica com um abracinho, uma outra mais apropriada... Lembrar mas sem sofrer! Porque "essa tempestade um dia vai acabar!!!"






Carrie

quarta-feira, 4 de março de 2009

... para ti.

Meu coração
Sem direção
Voando só por voar
Sem saber onde chegar
Sonhando em te encontrar
E as estrelas
Que hoje eu descobri
No seu olhar
As estrelas vão me guiar




Eu sei que vou te amar
Por toda a minha vida eu vou te amar!!

Charlotte

Obrigada

Aos visitantes do bla (aeiou) q estão a ver-nos agora...

OBRIGADA pela vossa visita!!!!!


Samantha

Não percam...


..brevemente nos cinemas. A história de 6 pessoas que se cruzam pelo acaso, e entre as quais se desencadeiam uma série de coincidências. Serão coincidências? Ou um plano do chefe do Planeta Shniguinigui para alterar todas as leis do Universo e por à prova estes 6 comuns mortais??? Não perca esta grande produção...e torça por um final feliz!

O amor é uma doença quando nele julgamos ver a nossa cura...




Minhas queridas amigas, e nossos caros leitores... Estou com o espírito dilacerado pelas diferentes perspectivas do amor que tenho descoberto.




Olha em volta, vejo sorrisos apaixonados, vejo beijos não controlados, pela vontade insasiável de mostrar ao mundo que o ser amado é da pessoa que o beija, vejo lágrimas de tristeza profunda pela perda de um grande amor, vejo a ânsia de ver alguém que é amado em segredo, vejo a entrega total de quem faz tudo pela felicidade do outro, vejo o pesar de quem sabe que o ser amado divide o seu afecto com outra pessoa, vejo o desespero de um desgosto de amor, vejo o prolongar da paixão que rega tão nobre sentimento durante anos, vejo a indiferença aos esforços de alguém por agradar quem, na verdade, ama outra pessoa, que também sofre por não a ter... Poderia dar milhões de exemplos!




Cada história de amor é única. Pelos seus intervenientes, pelos momentos bons, pelos momentos péssimos, pela entrega, enfim, pela união fugaz ou duradoura de duas vidas, e por tudo o que isso implica.


No fundo, todos nós acabamos por descobrir, pelo menos uma vez na vida, as amarguras de sofrer por amor...




A minha questão é: será que sabemos o que é o tão falado amor? Se cada um sente à sua maneira, e não há forma de estar dentro do corpo d outra pessoa, como distinguimos se é amor o que sentimos? Poderá antes ser atracção, paixão, ou até obcessão???




Bem, definições à parte...continuo a querer acreditar que amor de verdade só existe um. aquele que marca. O que sentimos ser a nossa metade. A única metade que nos completa, e que encaixa como um puzzle. No entanto, mesmo que o puzzle não encaixe por completo, acredito também que é possível ser e tornar alguém feliz, mesmo não sendo a tal metade...mas apenas alguém disposto a fazer tudo por nós! A trepar montanhas e enfrentar os maiores desafios! Nós merecemos TUDO! E quem for capaz de tentar dar-nos o tudo que merecemos...sem duvida merece tudo de nós!




Resumindo, e cm diz o meu ex marido: "Se nao encontras a outra metade de uma laranja, procura metade de um limão, junta-lhe açucar gelo e vodka e faz um brinde a vida!"






E esse sim é o amor mais importante de todos...o amor à VIDA!



Carrie


Deixo-vos com o vídeo e a letra da musica que deu titulo a este post... pois neste momento, para mim, "A cidade esta deserta e alguém escreveu o teu nome em toda a parte...nas casas, nos carros, nas pontes, nas ruas...Em todo o lado, essa palavra repetida ao expoente da loucura, ora amarga,ora doce, para nos lembrar que o amor é uma doenca quando nele julgamos ver a nossa cura..."








Ouvi dizer Que o nosso amor acabou Pois eu nao tive a nocao do seu fim. Pelo que eu ja tentei Eu nao vou ve-lo em mim Se eu nao tive a nocao de ver nascer o homem. E ao que eu vejo Tudo foi para ti Uma estupida cancao que só eu ouvi E eu fiquei com tanto para dar E agora nao vais achar nada bem Que eu pague a conta em raiva E pudesse eu pagar de outra forma E pudesse eu pagar de outra forma E pudesse eu pagar de outra forma Ouvi dizer Que o mundo acaba amanha E eu tinha tantos planos p'ra depois Fui eu quem virou as paginas Na pressa de chegar até nós Sem tirar das palavras seu cruel sentido. Sobre a razao estar cega Resta-me apenas uma razao Um dia vais ser tu E um homem como tu Como eu nao fui Um dia vou-te ouvir dizer E pudesse eu pagar de outra forma E pudesse eu pagar de outra forma E pudesse eu pagar de outra forma Sei que um dia vais dizer E pudesse eu pagar de outra forma E pudesse eu pagar de outra forma E pudesse eu pagar de outra forma A cidade esta deserta E alguém escreveu o teu nome em toda a parte Nas casas, nos carros, Nas pontes, nas ruas... Em todo o lado essa palavra repetida ao expoente da loucura Ora amarga,ora doce Para nos lembrar que o amor é uma doenca Quando nele julgamos ver a nossa cura....

terça-feira, 3 de março de 2009

hoje nao estou para ninguem....




Tenho tantas saudades tuas...
Preciso de ti...


E eu desistiria da eternidade para te tocar
Pois eu sei que, de algum modo tu me sentes
É o mais próximo do paraíso que eu jamais estarei
E eu não quero ir para casa agora
E tudo que posso provar é este momento
E tudo que posso respirar é a tua vida
Porque mais cedo ou mais tarde tudo acaba
Eu só não quero ficar sem ti esta noite
E eu não quero que o mundo me veja
Porque eu sei que eles não entenderiam
Quando tudo é feito para não durar
Eu só quero que tu saibas quem eu sou
E não se pode lutar contra as lágrimas que vem
Ou o momento de verdade das suas mentiras
Quando tudo se parece como nos filmes
Sim, tu sangras apenas para saber que estás vivo
E eu não quero que o mundo me veja
Porque eu sei que eles não entenderiam
Quando tudo é feito pra não durar
Eu só quero que tu saibas quem eu sou
E eu não quero que o mundo me veja
Porque eu sei que eles não entenderiam
Quando tudo e feito pra não durar
Eu só quero que saibas quem eu sou
charlotte

segunda-feira, 2 de março de 2009

I'm not dead just floating

charlotte

ao que chegamos...


Uma economista norte-americana desenvolveu uma aplicação on-line, disponível para download gratuito, que permite calcular a probabilidade de divórcio dos utilizadores. A ferramenta é da responsabilidade da economista Betsey Stevenson, e funciona através da comparação de dados estatísticos dos divórcios nos EUA com informação inserida pelos utilizadores.

Para tal os cibernautas têm de inserir dados como sexo, quando se casou, o grau de escolaridade, a idade que tinha quando se casou e há quanto tempo está casado e depois a aplicação calcula a probabilidade de se divorciar, depois de os comparar com os dados estatísticos oficiais relativos ao divórcio.

O resultado surge sob a forma de uma percentagem de pessoas com um perfil semelhante que se divorciaram anteriormente e uma previsão do que pode acontecer num período de cinco anos. Além de poder ser descarregada, a calculadora de divórcios pode ser incluída em blogues ou sites.

http://www.divorce360.com/content/divorcecalculator.aspx

in "sol"

experimentem eu ja experimentei...

Charlotte